domingo, 18 de maio de 2008

Tentativa Poética

Não sou poetisa e nunca tive muito talento nem criatividade para escrever poemas, mas me deu vontade de escrever um, aí me arrisquei e escrevi este. Agora aí está ele sendo postado para ser lido e apreciado (?) por todos vocês. Levando isso tudo em consideração, estou aberta a todas as opiniões - sem agressões escritas, por favor.


Eu Por Mim

Sou feita de luz, de calor
De desejo e ardor
Sou feita de brilho e opacidade
De estresse e ansiedade

Sou feita de paixões, de desilusões
De choros e sorrisos
De dores, de amores
E, ainda mais, desamores

Sou feita de alegrias, de tristezas
De desistências, de perseverança
E de alguma esperança

Sou feita de música, de dança
De arte, de momentos de felicidade
E de uma certa dose de vaidade

Sou feita de terra, de água, de ar
E de uma vontade imensa de,
Ao ser correspondida, amar

Sou feita de fome, de frio
De medos, inseguranças e brio
Sou parte maldade, parte bondade

Sou feita de cores, odores
De gestos, de olhares
De gostos e sensações

Sou parte burrice, parte inteligência
Feita de ingenuidade e de malícia
Sou aquela que dificilmente resiste a uma delícia

Sou feita de sangue, de matéria
De alma e sentimentos
Sou ser humano, sou mulher.

21 comentários:

Li Teixeira disse...

Melissa-mor escrevendo poema.. que isso hein!! :)
Gostei muito!

bjoss

André disse...

Tô sem palavras. Aqui eu digo "muito bom", mas não é só isso. Talvez eu nunca chegue a ter palavras pra definir esse poema, mas certamente - se vc não tem o dom de ser poetisa - ele deve ter baixado em vc agora. huahauhauha :P

Muy lindo!

Beijos.
André

Nadezhda disse...

A beleza está na simplicidade das palavras, e do sentimento que você soube colocar!

Obrigada pelo comentário no Quarto 18, mas confesso que vou demorar um pouco para dar continuidade à história, mas se quiser dar uma passada no "Where is my mind?", fique à vontade!

;)

Igor Lessa disse...

Você não é de escrever poemas?! Como assim?! Ficou ótimo! Achei lindo, viu! =]

Continue!



Olhando Pra Grama - Crônicas de um ansioso

Vinícius Aguiar disse...

Poema bem construído em seu significado. Apesar de também não ser meu estilo favorito, embora também me arrisque às vezes, construtivamente falando, acho que você se preocupou demais com as rimas (o que não seria necessário), mas ainda assim, conseguiu transmitir o que você queria, que é o que importa!!

Parabéns!

Sujeito Oculto disse...

Depois morre, acaba tudo, não tem mais ventinho...

Essa foi a resposta do Baixim, do Henfil, para algo parecido com isso que o Cumprido estava falando.

Línguas Ferinas! disse...

Oie...

Adorei o poema...
continue escrevendo,pode se surpreender consigo...

beijão!

Srta Ackles!

Nadezhda disse...

Vou te adicionar também.

;)

Tiago Moreira disse...

Bonito moça, poesia às vezes é forma, mas outras é intuição, sensibilidade e a escolha das palavras certas, buscando a simplicidade da construção, um caminho que pelo que vejo nesse escrito tens vocação.

Gosto muito de poesia também, e vejo que a melhor forma de exercitá-la é lendo boa poesia, escrevendo e colocando os escritos à mostra, pois acho que só assim podemos ter um termômetro se estamos em um caminho certo.

Retribuindo a visita, gostei muito dessa tua casa, também vou te adicionar lá no Caixa, seja sempre bem vinda.

Beijos.

ღ mey ♥¨`*•.¸¸.•*´¨♥ღ disse...

parabens, eu nunca tive nem saco de tentar afzer poesia... minto, ja fiz tbm :$

ahuahauahu

bjs

♥ Camila disse...

nooossa isso pq não é boa em fazr poemas eim
hahahha

beijinhos

♥ Camila disse...

ÈÈÈ isso ´so mostra que voce TEM DOM né hahahaha.. continue se inspirando que irá ganhar muitos outros elogios!

SIM SIM SÓ FOI EU LER O SEU COMENTÁRIO QUE MEU TIO LIGA FALANDO:

-Avisa sua mãe que o tio tá termiando de tomar o medicamento e já vou embora...
(*não disse o que era, mas disse que estava indo embora e isso é bom!)

Caio Lemos disse...

acredito q vc quis tratar dos inúmeros sentimentos e das inumeras experiencias pelos quais o ser humano passa. e passou bem ^^

e, ah...pareceu-me desabafo =P

ri d+ do seu caso do metrô uAUhuahuAHUhua, adulto acha q, só pq é adulto, a gent tem q faze as coisas do jeito q eles acham q a gent tem q fazer! xD

HUAuaHUAHuauh

bjao =*

Regiane Karpuska disse...

Gostei muito do seu blog!!!
Esta muito legal!
Parabéns

Regiane Karpuska disse...

Obrigada pela retribuição da visita e espero q volte muitas outras vezes!!!
Assim como eu voltarei a lhe visitar.
Bjs....

Lays disse...

Tentativa?
Poesia linda.
Parabéns!

Bjs =)

Nathália disse...

Ou seja, você é humana! \ó/
Um amor o poema.

Beijo!

J.F. disse...

Raissa,
De uma forma muito linda você definiu VIDA. Parabéns! Não é qualquer um que consegue.
Abração.

♥ Camila disse...

ah sim sim... eu não estava tão confiante disso
MAS AINDA BEM QUE ELE MELHOROU!! =]

aaaaaamei a cor do teo blog

♥ Camila disse...

Mas ficou lindoo flor!
eu também mudei o meu hoje cedo...
eu fico cansada das coisas repetitivas!!!

MAS FICOU LINDO QUE NEM O SEU POEMA!!!

Chá de Fita disse...

QUE DELÍCIA...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...